"As declarações contidas neste blog possuem caráter informativo. Consulte um profissional para uma alimentação individualizada e exercícios físicos adequados. Todos os comentários deste blog são respondidos no próprio blog e apenas a postagem mais recentes podem receber comentários. Sejam bem vindos, obrigada pelo carinho e voltem sempre"!

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Sobre o amor próprio


Olá, pessoal. Falo tanto da importância de manter uma alimentação equilibrada e praticar atividades físicas, mas hoje eu quero falar de algo que é primordial para que saiamos da nossa zona de conforto: "O amor próprio". Essencial para tudo o que queremos conquistar na vida. Seja um amor, a boa forma, a saúde, a realização profissional ... a realização pessoal. Nada se constrói de forma concreta se por trás de toda nossa dedicação não houver doses "cavalares" deste auto amor. Sei que é difícil conscientizar-se disso quando o mundo parece desabar. Cada um tem seus motivos, cada um conhece sua própria força e até onde pode suportar, mas a verdade é que durante estes belos 30 anos que tenho vivido, aprendi da forma mais dolorosa possível que, para chegar onde nunca cheguei preciso me amar, não um pouco mais, mas me amar de verdade. Lembro há uns dois anos quando meu pai me chamou pra uma conversa séria sobre algumas coisas relacionadas à minha vida pessoal e me disse: "Você não vai chegar a lugar nenhum se continuar dando mais importância às outras pessoas do que a você mesma. Amor pelas pessoas sem amor próprio não é amor. Procure se amar, minha filha". Isso "martelou" em minha cabeça por muito tempo e ainda "martela" até hoje sempre que preciso confrontar meus interesses com os interesses alheios. Não demorou fiquei doente por conta do excesso de peso, então, resolvi dar uma chance a mim mesma e mudar ... Tudo. Absolutamente tudo! O trato com as pessoas, o trato comigo mesma ... o trato com a vida e com todos os desafios que ela nos impõe. e então ... tudo começou a acontecer. O que era verdadeiramente bom e saudável permaneceu, o que não era, desapareceu. A Bíblia é clara quando nos diz que: "devemos amar o próximo como a nós mesmos" não mais que isso. Escrevo esta postagem em um momento muito especial da minha vida. Mais um reencontro comigo mesma, mais uma vez em frente ao espelho me perguntando: " o que quero fazer da minha vida mesmo"? A resposta é óbvia: continuar me amando acima de tudo!

Ame-se, ou deixe-se!
Beijos e uma ótima semana a todos!

4 comentários:

  1. Ola!!! Adorei seu blog... aliás adoro exemplos de "mulheres reais" que se superaram e conseguiram alcançar seus objetivos! Parabéns!!! Fiquei com dúvida em relação ao seu treinamento durante o processo de emagrecimento... quando começou a academia você já fez exercícios para ganho de massa muscular ou só depois que atingiu o peso que queria? Porque, pelas fotos, você secou bem e ficou mais durinha (ou já era msm antes???)... pode dizer como foi isso? Porque se tem uma coisa que dá vontade de choraaaaar é a tal da flacidez... a danada parece que insiste em ficar ali só pra gente não esquecer do que fizemos com nosso corpo no passado! :( Obrigada por compartilhar sua experiência conosco e, mais uma vez, parabéns!!! Ta linda! Bjs, Larissa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu que agradeço o carinho, Larissa. Para mim é maravilhoso compartilhar minha história com vocês. Um beijo grande

      Eliminar
  2. Você falou,falou..... mais não falou nada do livro,não é o 1 livro q estão vendendo no face.
    Gostaria de saber se é realmente verdade?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leia o blog na íntegra e voce terá todas as respostas que deseja. Um beijo

      Eliminar

Sua opinião é muito importante. Obrigada e volte sempre!