"As declarações contidas neste blog possuem caráter informativo. Consulte um profissional para uma alimentação individualizada e exercícios físicos adequados. Todos os comentários deste blog são respondidos no próprio blog e apenas a postagem mais recentes podem receber comentários. Sejam bem vindos, obrigada pelo carinho e voltem sempre"!

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Como engordei e eliminei quase 40Kg - Parte 3 (Princípio de AVC)

Fazendo uma retrospectiva da minha história:

Como o cigarro, as bebidas, as farras e a irresponsabilidade alimentar me tranformaram em uma mulher obesa, sem autoestima e sem esperanças AQUI

Como o casamento me fez bem e mal ao mesmo tempo. Bem por me permitir amar e ser amada pela primeira vez na vida, ruim porque nosso amor era alimetado por filmes, guloseimas, músicas e muito sexo  AQUI

Hoje vou falar do dia em que decidi mudar de vida. O dia em que eu tive um princípio de AVC.
Era comum em mim as dores na coluna e a falta de ar. Até ir à feira pertinho da minha casa era um sacrifício. Ficava ofegante, com fortes dores na coluna e quase sem ar. Era preciso sentar algumas vezes pelas calçadas para poder retomar o fôlego. Sem contar as dores intermináveis nas pernas e a dificuldade para calçar um sapato de salto. Eu estava me destruindo. Sim, eu mesma, pois eu não tinha nenhum problema de saúde, ou influência genética que estivesse alimentando minha obesidade. Quem a alimentava era eu mesma com a compulsão alimentar. Comia até sem sentir fome ... comia até passar mal. Comia com vontade de explodir.
Foi em meio a todo esse desespero que um dia, sozinha em casa, eu senti meus mebros inferiores faltarem. Tontura, secura na boca e uma falta de ar insuportável. Comecei a pedir a Deus que me livrasse daquele mal, que não me deixasse morrer. Dali por diante minha vida mudaria. Graças a Deus a única sequela foi minha perna direita que ficou adormecida durante quase 3 meses, mas com as drenagens e o uso do medicamento voltou ao normal.
No dia seguinte fui fazer os exames recomendados pelo médico e pasmem: eu estava com minha glicemia 138mg/dl, ou seja, no estágio de pré-diabetes. Levando em consideração que meu pai é cardíaco, minha mãe diabética e meus avós paternos e maternos morreram dpor causa destas doenças, era algo muito preocupante. Pior foi ouvir do médico que nem os pacientes dele de 60 anos levavam aqueles resultados de exames. Eu jurava que ele me passaria algum remedinho, mas ele foi enfático ao afirmar que, meu remédio era fechar a boca e praticar atividades físicas se eu quisesse ver meus filhos adultos. Eu tinha 28 anos e tanto na aparência quanto internamente eu parecia uma idosa sem saúde ... sem vida. O médico endocrinologista me intimou a perder 40kg em um ano. Disse que remédios, cirurgias e dietas não seriam a solução. Eu precisaria adquirir novos hábitos alimentares aos poucos e começar fazendo caminhadas, pois os excesso de peso não me permitira ainda entrar em uma academia. Ele recomendou que eu perdesse inicialmente10Kg para normalizar minha taxa glicêmica e poder voltar à academia. Fui encaminhada ao cardiologista antes de sair do sedentarismo. Precisava ir com calma. Saí do consultório me sentindo uma fracassada inútil. Quando eu imaginava ter que perder 40Kg pensava ser impossível. Neste dia tive vontade de chegar em casa e comer até explodir. Queria morrer. Fiquei deprimida. O pior de tudo isso é que meu marido nunca mudou em nada comigo, na verdade, eu é que mudei, pois já não conseguia fazer amor da mesma forma com meu marido, pois qualquer movimento era suficiente para eu sentir falta de ar e dores no corpo. Na verdade, ele nunca disse se quer que eu precisava emagrecer. Todos podiam dizer que eu estava gorda e doente, ele não dizendo para mim era o que importava. Me acomodei e cheguei a este nível. No dia seguinte fui ao cardiologista fazer os exames que faltavam e também tive o mesmo diagnóstico: ou você emagrece, ou você morre antes dos 40. Isso foi dia 21/10/2011 Dormi me sentindo uma fracassada e acordei determinada a não ser mais motivo de chacota para mim mesma e para os outros. Depois daquele dia, minha vida nunca mais foi a mesma. Dia 22/10/2011 minha vida começou a mudar ...

Apta às atividades físicas moderadas: caminhadas. Marco inicial da minha nova vida: 22/10/2011

Na próxima postagem falarei de como foi o outro dia depois dos exames finais.O dia em que a vida começou a ficar melhor. Se quiserem acompanhar mais sobre mim e meu dia a dia é só assinar meu perfil no facebook AQUI

14 comentários:

  1. oiee
    seja muito bem vinda ao meu blog..é mto legal conhecer novas histórias de guerreiras..afinal somos guerreiras ne
    bjao

    ResponderEliminar
  2. oi amore vim te conhecer tb, e que vc continue buscando forças em vc mesma e seja sempre vitoriosa bjokas...

    ResponderEliminar
  3. Marcela do céu, que história viu! Menina vc é uma guerreira e quero aprender muito com vc. Ah! EU AMO SÃO LUIs!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Valquíria, seja bem vinda. Minha cidade é linda. realmente uma história que surpreende até a mim mesma. Beijos e volte sempre

      Eliminar
  4. Olá

    Vim conhecer seu cantinho e fico feliz que vc acordou a tempo e emagreceu DD maneira saudável ! Parabens guerreira !

    Já eliminei mais de 20 e estou na reta final ! Faltam ) kg !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eita que vitória! Continue assim. Obrigada pelo carinho ;)

      Eliminar
  5. Estou realmente impressionada com sua história..é para dar uma alerta em nós(em mim)que estou tão desanimada que não tenho ânimo para nada. Já estou te seguindo para acompanhar sua história.Bjs.Sandra

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. a intenção é conscientizar outras pessoas mesmo. Obrsidade é doença, mas creio que vc pode tam´bém ter sucesso na sua. Basta não desistir. Um beijo

      Eliminar
  6. Nossa, achei demais sua história! É um aviso que a alimentação mexe muito mais do que só com a parte estética do corpo.

    Beijos !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é só estética, é uma questão de saúde. A beleza é consequência. Um beijo e obrigada pelo carinho

      Eliminar
  7. Oi querida, nossa que força de vontade e que história de vida a sua hein?
    Vc tem mesmo é que estar orgulhosa por cada conquista que vc tem, tanto na vida como em relação à R.A.!

    Vou te acompanhar de agora em diante!

    Beijos e mto boa sorte, e ah, te add no face :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Daniela, seja muito bem vinda e obrigada pelo carinho. Sorte e sucesso!

      Eliminar